Locais de interesse turístico Versão para impressão

Pelourinho do Soajo


pelourinho_-_soajoDesconhece-se a origem exata deste tipo de monumentos. Admite-se terem surgido na Roma Antiga e daqui se estenderem às regiões romanizadas.



A partir do séc. XII constituiram símbolos de jurisdição concelhia e autonomia municipal, mas também de jurisdição feudal, dos direitos de donatários, bispos, cabidos e mosteiros.

O Pelourinho do Soajo, declarado Monumento Nacional em 1910, é constituido por uma base em três degraus que suporta uma coluna cilíndrica, decorada por uma sorridente carranca antropomórfica em alto relevo, rematada com uma enigmática laje triangular.








Eira de Espigueiros

 

Os espigueiros são instalações destinadas à armazenagem, secagem e conservação dasespigueiros-soajo
espigas. Encontram-se reunidos num mesmo local, entre afloramentos de granito que lhes servem de alicerces. São construções em pedra e/ou madeira, corpo em forma de câmara estreita com fendas verticais para arejamento do espaço, telhado de duas águas e pés em pedra de formas muito simples.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Pontes Medievais

As pontes permitiam vencer os obstáculos que os rios constituiam, sobretudo nos periodos de cheias. Facilitavam as deslocações diárias de camponeses, o movimento dos guerreiros, a circulação de mercadores e constituiam também uma importante fonte de receitas financeiras. Sobre os produtos que entravam ou saiam dos concelhos era cobrado um imposto nos locais de passagem obrigatória para os mercadores.

 

 

 



Santuário de Nossa Senhora da Peneda (Turismo Religioso)


penedaO Santuário de Nossa Senhora da Peneda é um local de culto e peregrinação em terras do Alto Minho, em Arcos de Valdevez, na freguesia de Gavieira, a caminho da vila de Melgaço. Tem como data provável de início da sua construção, finais do século XVIII, a julgar pela data inscrita na coluna existente ao cimo da escadaria de acesso.

Acredita-se que neste local tenha existido uma pequena ermida construída para lembrar a aparição da Senhora da Peneda, cujo culto foi crescendo e motivou a construção do santuário. Este lugar de culto é constituído pelo designado escadório das virtudes, com estatuária que representa a Fé, Esperança, Caridade e Glória, datada de 1854, a igreja principal, terminada em 1875, o grande terreiro, o terreiro dos evangelistas e a escadaria com cerca de 300 metros e 20 capelas, com cenas da vida de Cristo.

A Festa da Senhora da Peneda é anual, tem a duração de uma semana, entre o dia 31 de agosto e 8 de setembro.

 

 




Fontes:
Fotografia online, Olhares, 19 de Maio de 2010, www.olhares.aeiou.pt
Miranda, Jorge. Soajo Lindoso - Cultura, Património e Natureza. I.F. - Comunicação & Imagem, 2001
Panoramio, 19 de Maio de 2010, www.panoramio.com